O mais doce contentamento

“Dá testemunho da verdade que recebeste, ajuda os outros a viver e a bem viver, não contristes nenhuma alma nem coração algum, ousa mais seguidamente ser sério, verdadeiro, simples, amante; sê menos circunspecto, mais franco, mais acessível, e mais vezes terás ocasião de fazer bem; e fazer bem é o mais doce contentamento que se possa experimentar. Ser compreendido, apreciado e amado só vem mesmo depois, pois a satisfação da consciência é mais intensa ainda que a do coração.”

Amiel em Diário Íntimo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s