Amar é estranho

Amar é estranho. Preenche o nosso coração, mas ao mesmo tempo o sentimos vazio, necessitando continuamente do/a amado/a.

Jung Mo Sung

Anúncios